sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Cálculo de juros no Excel

Gostaria de trocar experiências com alguns colegas professores que tenham utilizados planilhas do excel para cálculos como p.ex.: juros simples e compostos.
O documento abaixo em word mostra alguns exemplos. Aguardo caso algum colegas possa relatar experiência que tiveram em sala de aula.

Caso queira participar de discussões a respeito utilize este blog.

Atenção: Os dados aqui colocados tratam-se de experiências simples que foram utilizados em sala de aula.

Cálculo de Juros Simples e Composto no Excel

Vamos criar uma planilha para o Cálculo de Juros Compostos sem a necessidade do uso de uma função específica, a fim de que possamos exercitar nossa a criatividade e capacidade para resolver problemas.

Entretanto, recomendo a leitura do primeiro artigo da série, pois assim ficará mais fácil compreender o funcionamento dos Juros Compostos, no qual o capital do mês seguinte passa a ser o montante do mês anterior.


Juros Simples



A fórmula para o cálculo de Juros Simples é a seguinte:



Juros=C*i*n

Obs.: no Excel o símbolo do asterisco * significa multiplicação

Onde:



C – corresponde ao capital ( dinheiro, principal,etc...), ou seja, o valor emprestado.

i – corresponde à taxa de juros, que pode ser a.a (ao ano) ou a.m (ao mês). Antes de iniciar o cálculo você deve dividir a taxa de juros por 100, a fim de que obtenha o valor da taxa no sistema decimal.

N – é o prazo, período ou se você quiser dizer de outra forma: as suaves prestações das Casas Bahia. Embora os juros das Financeiras são todos calculados como juros compostos. Note que o prazo deve estar de acordo com a taxa, ou seja, se ela estiver em ano, o prazo também deverá ser expresso em ano, agora se a taxa estiver em mês o prazo também deve ser convertido para mês.

Supomos que a taxa seja de 2,5% a.a e o prazo seja de 36 meses.

Logo, basta que você divida o prazo pelo período de 1 ano, nesse caso teríamos: = 36 / 12: resultado 3 anos

Supomos que a taxa seja de 2,5% a.m e o prazo seja de 3 anos.

Logo, basta que você multiplique o prazo pelo período de 1 ano, nesse caso teríamos: = 3 * 12: resultado 36 meses. O Capital de R$1.000,00 .

Observe os dois exemplos abaixo: no primeiro exemplo o cálculo está sendo realizado fora das células em que se encontram as variáveis citadas, a fim de que seja possível realizar um novo cálculo a qualquer momento. Desse modo, faz-se necessário proteger as células que modificam a célula.

Exemplo 1:







Obs. O símbolo (^) significa potência, ou seja, Montante = C(1+i)prazo

Exemplo: Considerando um Capital inicial de R$ 100,00 aplicados a juros compostos por um período de 12 meses a uma taxa mensal de 2%. Calcule o Montante.

Abra o Microsoft Office Excel e crie a planilha com o valor do Capital na célula B1, a taxa de juros em B2 e os meses devidamente distribuídos,não se esqueça após inserir a fórmula na célula B4dê “ enter” que aparecerá o resultado (R$126,82 para aparecer os centavos é preciso que esteja selecionado o valor decimal ), conforme a figura abaixo:

Um comentário:

Esron C Menezes disse...

agora a pouco postei um exemplo de juros composto. Veja em www.esron.com.br/excel

Arquivo do blog